Aquis Querquennis

O Forte Romano - AquisQuerquennis 3D

O FORTE ROMANO

Nas margens do rio Limia (Porto Quintela) e parcialmente afundado na barragem de As Conchas encontramos o fantástico acampamento de Aquis Querquennis que no seu tempo albergou as legiões romanas, quer para a construção da famosa calçada “Via Nova” (que ligava Braga a Astorga), quer para colonizar estas terras outrora selvagens e inóspitas. Foi construído entre os anos 67-79 d.c. e abandonado em 120 d.c.

A área total do nosso recinto é de cerca de 25.000 metros quadrados, acomodava cerca de 500 legionários, contando além disso com uma formação auxiliar de cavalaria.

O traçado e alçado das estruturas, organizadas em quadrículas em torno das duas vias fundamentais, perpendiculares entre si, cardo (N-S) e decumanus (E-W), foi realizado de acordo com um esquema ortogonal comum, salvo ligeiras variações, a outros acampamentos da época. Em qualquer caso, os grupos estruturais exumados até à data, total ou parcialmente, são os seguintes: principia ou quartel-general, dois grandes celeiros para o armazenamento de alimentos não perecíveis, Valetudinarium (hospital), cinco casernas para as tropas, vias e canais de drenagem, bem como um sistema defensivo (muro com as suas torres, porta pincipalis sinistra, porta principal esquerda, porta decumana, porta sul, pequeno sector do fosso e intervallum, ou estrada perimetral, também chamada sagularis).

Aquis Querquennis - recreação virtual

Aquis Querquennis - recreação virtual

A área total do nosso recinto é de cerca de 25.000 metros quadrados, acomodava cerca de 500 legionários, contando além disso com uma formação auxiliar de cavalaria.

A escassos metros do acampamento podemos encontrar a mansão viária. Seria a terceira desde Braga. Nesta encontram-se vários locais de permanência, que seriam utilizados para hospedar viajantes que percorriam o caminho romano e como estábulos para os cavalos. Também foi encontrado um forno para cozer pão e um poço circular. Encontra-se também conservado um vestíbulo pavimentado para aceder ao mesmo.

Muito próximo da pousada encontra-se uma zona de águas termais, conhecida como O Banho. Nesta existem várias piscinas e banheiras de pedra, que se apresentam como vestígios de um balneário que funcionou até à construção da referida barragem de As Conchas. Neste local estariam as termas romanas, mas ainda não foram escavadas.